Cruzeiro vence Tupynambás no Mineirão e reassume vice-liderança do Campeonato Mineiro

Por Aécio Gonçalves 11/02/2019 - 15:54 hs

O Cruzeiro não teve dificuldades para manter a invencibilidade no Campeonato Mineiro. Com boa participação do meia Rodriguinho, que fez a estreia no Mineirão com a camisa celeste, a Raposa venceu o Tupynambás por 3 a 0, neste domingo, pela sexta rodada do Estadual.

Fred abriu o placar para o Cruzeiro aos 14 minutos do segundo tempo. Rodriguinho ampliou aos 44 da etapa inicial e deu o passe para Rafinha selar a vitória aos 15 do segundo tempo.

Foi apenas o terceiro jogo oficial entre as equipes, que haviam se enfrentado apenas duas vezes em 1933, pelo Campeonato da Cidade.

Thiago Neves foi vetado para a partida. O camisa 10 sofreu um estiramento na panturrilha direita no treino de sábado. A contusão foi em outro ponto da lesão sofrida pelo atleta no início do ano.

De acordo com o Cruzeiro, será feito um tratamento conservador. O clube não divulgou o prazo de recuperação, mas informou que o meia fará um trabalho de equilíbrio durante a recuperação para evitar a reincidência.

Outra baixa na partida foi Robinho, que faz trabalho físico. Os escolhidos para substituir a dupla foram Rafinha e Marquinhos Gabriel.

Com o resultado, o Cruzeiro recuperou a vice-liderança, com 14 pontos, e segue atrás do América, que tem a mesma pontuação e leva vantagem no saldo de gols: 11 contra 9. Já o Tupynambás amargou o quarto jogo seguido sem vencer e caiu para a sexta posição, com oito pontos.

O jogo

A partida começou com uma polêmica. Aos sete minutos, o Tupynambás chegou ao ataque e Geovani caiu na área após disputa de bola com o zagueiro Léo. Os jogadores da equipe de Juiz de Fora pediram pênalti, mas o árbitro mandou o jogo seguir.

Depois de um início melhor do time visitante, o Cruzeiro equilibrou as forças e rapidamente passou a dominar o adversário. Tanto que o gol não demorou a sair. 

Aos 14 minutos, Egídio lançou Marquinhos Gabriel pela esquerda, o meia-atacante chegou à linha de fundo e cruzou na medida para Fred completar para as redes de perna esquerda. Na comemoração, o camisa 9 celeste tirou uma traja preta que carregava no braço e mostrou como homenagem aos dez jogadores que morreram em um incêndio no alojamento das categorias de base do Flamengo, na última sexta-feira.

A equipe celeste quase ampliou na sequência em uma cabeçada de Léo que passou perto do gol defendido por Renan Rinaldi. O goleiro do Tupynambás também trabalhou para evitar o segundo da Raposa ao espalmar um chute cruzado de Rodriguinho.

O Cruzeiro seguia martelando em busca do segundo gol. Após escanteio, Fred subiu entre os zagueiros e desviou de cabeça, mas a bola passou raspando a trave.

De tanto atacar, o Cruzeiro foi premiado. E o estreante no Mineirão também. Aos 44, Rodriguinho lançou Rafinha pela direita e correu para a área. O camisa 7 cruzou na medida e Rodriguinho completou para o fundo do gol.

No segundo tempo, Rodriguinho retribuiu o presente para Rafinha no terceiro gol do Cruzeiro. Aos 14 minutos, o meia recebeu passe de Marquinhos Gabriel na ponta esquerda e cruzou rasteiro para o meio da área. Rafinha chegou na velocidade e finalizou com o lado de fora do pé.

Cruzeiro 3 x 0 Tupynambás

Cruzeiro: Fábio; Edilson, Léo, Dedé e Egídio; Henrique, Lucas Romero, Rafinha (Renato Kayzer), Rodriguinho (Jadson) e Marquinhos Gabriel; Fred (Raniel). Técnico: Mano Menezes

Tupynambás: Renan Rinaldi; Gustavo Crecci, Adriano, Felipe Gregory e Lucas Hipólito; Léo Salino, Marcel, Leandro Salino e Geovani (Matheus Pimenta); Igor Soares (Téssio) e Ademilson (Eraldo). Técnico: Felipe Surian

Motivo: 6ª rodada do Campeonato Mineiro
Data: 10 de fevereiro de 2019, domingo, às 17h
Local: Estádio Mineirão, em Belo Horizonte (MG)

Gols: Fred (14’/1º), Rodriguinho (44’/1º), Rafinha (15’/2º)

Cartão Amarelo: Léo Salino, Lucas Hipólito, Felipe Gregory (Tupynambás); Egídio (Cruzeiro)

Árbitro: Gabriel Murta Barbosa Maciel
Auxiliares: Leonardo Henrique Pereira / Welington Pereira Neto

Fonte e foto: Itatiaia Link da reportagem: http://www.itatiaia.com.br/noticia/cruzeiro-vence-tupynambas-no-mineirao-e-reass